AssociaçãoTeatroFolcloreFutebol

Campeões de Inverno

Muitas eram as expectativas para este jogo! 2º e 3º Classificados e também equipas quase vizinhas…Campo em boas condições, as condições meteorológicas também ajudaram.

Campo do Fojo, com quase 300 pessoas, a maior enchente da época.

Seixo alinhar com Marco na Baliza, defesa constituída por Daniel, Pestana, Jonathan, e Artur. No meio campo Maranhão, Lopes e Zorro. Na frente, Luis, David e João Pedro.

O S. Caetano a entrar melhor, aliás foi talvez a melhor equipa da 1º parte. Foram uns primeiros 45 minutos, com grande ritmo, marcados por muito cartões sobretudo para o Seixo. O S. Caetano a fazer troca de bola muito rápida, com muitas jogadas sobretudo pelo seu lado direito. As jogadas de perigo não foram muitas, uma para a equipa do S. Caetano pelo seu lado esquerdo, com um remate já dentro da área, mas Marco com grande defesa a sacudir a bola para fora. Já em tempo de descontos, jogada rápida de contra ataque pelo lado direito do ataque do Seixo, mas a bola viria a perder-se no cruzamento e o árbitro acabou a 1ª parte sem deixar concluir o lance.

Nota para uma substituição forçada no decorrer da 1ª parte  por lesão de David jogador do Seixo, Eduardo a entrar, o que provocaria mudanças tácticas com Lopes a  passar para o ataque e Artur a mudar também de posição.

O jogo ia assim então para o intervalo empatado, resultado que se aceitava.

Na segunda parte as coisas iriam ser diferentes com o Seixo a entrar bastante melhor e a conseguir praticar um melhor futebol, fruto da garra e determinação com que os jogadores entraram em campo nesta segunda metade do jogo. A meio destes segundos 45 minutos, o Seixo viria a marcar o único tento desta partida. Pestana a chutar a bola ainda antes da linha de meio campo, Pito à entrada da área a assistir Lopes, e este num grande remate cruzado a não dar quaisquer hipóteses ao Guarda-redes do S. Caetano. Era a loucura em pleno Campo do Fojo com os adeptos ao rubro.

O Seixo podia ainda ter dilato o marcador não fosse Maranhão ter desperdiçado de baliza aberta, pois o remate saiu dois metros acima da trave. Até ao fim do jogo os jogadores do Seixo com grande atitude a segurarem o marcador com grande espírito de sacrifico e entrega. O S. Caetano dispôs ainda de alguns livres e cantos, mas todos sem sucesso.

 Ainda antes dos 90, o nº 10 do S. Caetano viria a tomar banho mais cedo por acumulação de cartões. Diga-se de passagem que esta expulsão só pecou por tardia. Igual “sorte” viria a ter Artur jogador do Seixo já em tempo de descontos também por acumulação de amarelos.

Nesta segunda parte entraram Pito e Palmela para os lugares de Maranhão e João Pedro.

Jogo a terminar com a vitória do Seixo. É verdade que a sorte esteve do lado da casa, mas o futebol é assim mesmo só contam as que entram, e a que entrou foi do Seixo.

Árbitro com uma actuação disciplinar muito irregular a não manter o critério.

A verdade também é que o Seixo se encontra em 1º lugar na tabela classificativa. Podem dizer que jogamos de “charuto” para a frente, podem dizer que não sabemos jogar, podem dizer o que quiserem mas a verdade é que contra factos não há argumentos! E líder há só um e esse um é o Seixo.

Começo a tornar-me repetitivo, mas tendo em atenção aquilo que vou lendo no Blog Distrital assim tem de ser. O Seixo não prometeu nada nem é candidato à subida, portanto aquilo que tem feito é muito positivo. A entrega de todos aqueles que formam o clube é extraordinária, e o dia de hoje foi prova disso, incluindo a massa adepta com uma enorme falange de apoio.

 

Força Seixo... Campeões de Inverno


Campeões de Inverno
ACRSeixo 2007 powered by vbworks.net